quinta-feira, janeiro 29, 2015

Ser você e opinião alheia.

On me dit que nos vies ne valent pas grand chose! | via Tumblr

   Se você pudesse escolher nesse exato momento ser uma pessoa diferente, como você seria? Faz tempo que venho batendo nessa tecla, a única coisa que te limita é sua própria ideia de limitação. Não há NADA que te impeça de ser diferente, nada que te limite a ser da forma que você é hoje pra sempre, a não ser que tenha uma arma apontada na sua cabeça, você simplesmente não é obrigado.
   Eu observo muito quando  alguém diz sem perceber "Eu queria fazer tal coisa, mas tenho vergonha, vão falar de mim e até vão deixar de gostar de mim se eu fizer", ou às vezes sem sequer dizer uma palavra isso é perceptível. As pessoas costumam reprimir umas às outras o tempo todo, nós não podemos controlar isso, mas você realmente se importa mais com as outras pessoas do que com você mesmo?
   Demorei bastante pra perceber que eu sou a protagonista da minha própria história, e só eu decidiria o rumo da minha própria vida, eu não queria passar o resto da minha vida me reprimindo pra agradar pessoas alheias. Eu tenho essa vontade incessante de ser eu mesma, e espero que isso não passe nunca, tenho o mundo inteiro pela frente e não há ninguém nele que vá me impedir de me descobrir. E eu te juro de dedinho que se você começar a se conhecer melhor e ter controle sobre as próprias decisões, as coisas melhoram. Afinal, não são as outras pessoas que vão conquistar os seus sonhos por você, a maioria só impede que você faça isso, de verdade.
   Quer pintar o cabelo de azul? Faça, você é quem tem o controle pra decidir qual cor você gosta. Quer cursar alguma faculdade que não é considerada "a melhor"? Vai, só você decide se quer passar a vida fazendo o que gosta ou o que querem. Quer fazer fotos pra uma marca de calcinha? Faça, você é responsável pelo seu corpo e se isso te fizer bem, não tem mal nenhum. Quer ficar com o cara que não está nada dentro dos padrões e não tem mil garotas a fim? Fica, você pode descobrir outra pessoa por trás do que as outras pessoas dizem dele. Quer manifestar uma opinião diferente dos seus amigos? Diga, você não tem que concordar com tudo, e se eles forem realmente seus amigos não vão deixar de gostar de você por isso. Você não vai deixar outras pessoas tomarem o rumo da sua vida, apenas faça o que quiser fazer. Você vai ter que ouvir falatório, vai tirar algumas pessoas da sua vida e a parte boa é que isso passa, são apenas consequências que você vai ter que aguentar.
   Ser quem você quer ser não é tão difícil assim, vai chegar uma hora que você já vai ter ouvido tantos conselhos disfarçados de "Eu acho que você não deveria fazer isso" que vai dar risada quando alguém o disser. Nem todo mundo vai gostar ou concordar com você, mas ninguém tem obrigação de gostar de ninguém, você vai gostar de quem você é e isso é o importante. Fazer tudo o que as pessoas querem pra elas gostarem de você só faz com que você seja um peão que vai mudando de acordo com a sua companhia, tenho certeza que você conhece muitas pessoas que "mudam de lado" e se contradizem o tempo todo e você não quer ser uma dessas, você quer ser você e fim. Chega uma hora que você não vai nem escutar comentários sobre você, porque você se tornou inatingível e o que eles dizem não faz nem cócegas na sua auto estima.
   Os outros são apenas os outros, e tenho pena por eles largarem a própria vida pra me mencionar numa conversa, quanto desperdício de tempo.
   Não sou boa pra escrever esse tipo de coisa, mas espero que ajude alguém de alguma forma a se descobrir. E se alguém te atrapalhar no caminho, cante com todas as letras "i don't care, i love it".

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê seu pitaco nessa postagem também!