quarta-feira, setembro 17, 2014

13 conselhos que eu daria para mim mesma.


   Hoje o dia está insuportavelmente quente, estou ouvindo essa playlist e minha pinscher está deitada ao meu lado me olhando com cara de ponto de interrogação. Dessa vez não vim reclamar da sociedade, nem redigir parágrafos melancólicos. Vim fazer uma lista com alguns conselhos que eu daria pra qualquer pessoa, inclusive para mim mesma.

1. O vazio que você carrega todos os dias pertence exclusivamente a você, não é outra pessoa que vai preenchê-lo.
2. Você não TEM que fazer nada, a não ser que uma arma esteja apontada na sua cabeça.
3. Deixe que as pessoas saiam da sua vida. Você não está preso a um único ciclo de pessoas, um dia elas irão embora para que você conheça outras. 
4. Saia da vida das pessoas que não te fazem bem. Tão importante quanto o item 3, você tem que reconhecer que algumas pessoas só trazem problemas e não fazem tanta diferença. 
5. Quando estiver triste faça brigadeiro de panela, abrace um cachorrinho e leia esse post.
6. Não fique julgando as atitudes, a forma de vestir ou a personalidade das outras pessoas. Se não está afetando sua vida, ignora...Você não ganha nada fazendo isso.
7. Sempre estabeleça metas. Sua vida terá mais sentido quando você decidir um caminho a seguir.
8. O que aconteceu, ficou no passado e você é incapaz de mudar isso. Passou, foco no futuro. (Nessa eu preciso trabalhar muito)
9. Abandone hábitos que você considera prejudicial para sua vida. Tá cansado de procrastinar as tarefas? Pare. Quer parar de procurar o ex? Pare. Acha que fumar está sendo uma péssima escolha pra você? Nesse caso é um pouco mais complexo, mas não impossível, pare. 
10. Você não vai morrer só porque seu peguete não te mandou whatsapp há algumas semanas. Conselho master: Você não vai morrer por isso, talvez por câncer ou acidente de trânsito, mas por isso jamais. 
11. Você está sempre aprendendo. Não vem me dizer que já sabe tudo da vida, que é maduro e já tem tantos anos de vida nas costas. (Essa dá vontade de tatuar na testa)
12. Liberte-se dos estereótipos. As pessoas podem ser legais quando você as conhece melhor.
13. Aceite as mudanças e esteja sempre disposto a mudar. Também não se incomode quando alguém disser "ah, mas você pensava de tal jeito em 1984 e agora mudou de opinião?". Simplesmente mande a pessoa se foder mentalmente e treine sua cara de paisagem.

   Depois de escrever esse post consegui até desfazer um dos nós que estavam na minha garganta. Jurei de dedinho com a minha psicóloga que estou disposta a mudar.

Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Todos os conselhos servem pra mim também, e acredito que pra qualquer pessoa. Essa maturidade em assumir que não se é perfeito e aceitar isso como forma de tentar ser melhor todos os dias é algo invejável.

    ResponderExcluir